• (54) 3316-4000 | 2103-4000
  • sac@hsvp.com.br

BSBios faz doação para implementar à pesquisa de protótipos de automatização

  • 01/04/2020

Valor será destinado à produção de mais três protótipos de automatização baseados na ventilação manual de emergência criado por pesquisadores e profissionais da UPF, do HSVP e do IFSul

A Universidade de Passo Fundo (UPF) recebeu, na manhã desta quarta-feira, 01 de abril, a doação de R$18 mil da empresa BSBios. O valor será destinado a dar continuidade às pesquisas e ao desenvolvimento do protótipo de automatização de sistema de ventilação pulmonar realizada pelo ambu iniciado na última semana. Desenvolvido por técnicos, engenheiros e profissionais da saúde da UPF, do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) e do Instituto Federal Sul (IFSul), o primeiro protótipo já está em fase de testes e outros três devem ser construídos com o valor doado, sendo um custo de R$6 mil para cada aparelho. A ideia dos pesquisadores é aperfeiçoar a tecnologia e consolidar o processo de produção.

O protótipo foi desenvolvido como alternativa em caso de um cenário grave da pandemia de Covid-19 e consequente falta deste tipo de aparelho. A doação da empresa foi motivada pela repercussão que a pesquisa realizada nos laboratórios da UPF teve em veículos de imprensa nacionais como os jornais Folha de São Paulo e Zero Hora. De acordo com o diretor presidente da BSBios, Erasmo Batistella, desde que foi criada, a BSBios sempre teve e tem uma visão de estar integrada com a comunidade. "E essa iniciativa da UPF, uma grande parceira nossa de longa data, nos chamou atenção, nesse momento em que estamos atravessando um dos maiores desafios da humanidade nos últimos tempos", explicou.

Na opinião de Batistella, a solução criada na Universidade é apropriada e com um custo menor do que outras tecnologias disponíveis no mercado. "Além disso, pensamos na oportunidade de desenvolver junto com a Universidade, com o curso de Engenharia, esse conhecimento que pode depois ser difundido para outros locais. O propósito do equipamento que foi desenvolvido aqui, como ele foi desenvolvido e como ele vai ser difundido, depois de serem produzidos esses novos três protótipos e testados, foi isso que nos chamou atenção e por isso a BSBios está apoiando esse importante projeto", comentou.

Para a reitora da UPF professora Dra. Bernadete Maria Dalmolin, ações como essa representam uma forma de colocar o conhecimento produzido na Instituição a serviço da comunidade. "É muito importante o conhecimento, a pesquisa, a experiência, os profissionais e os laboratórios para, num momento como este, construir alternativas e possíveis soluções práticas para o enfrentamento da pandemia. Nossa comunidade UPF está muito sensível a tudo o que está acontecendo e, junto com outras forças da região, tem pensado, proposto e se envolvido, solidariamente para minimizar os impactos desta, que parece ser uma das maiores crises vividas pelas nossas gerações", completou.

 

Fotos: Caroline Simor